Home / Conteúdos / Notícias / À JUVENTUDE PETISTA DESTE BRASIL

À JUVENTUDE PETISTA DESTE BRASIL

2659851Dudu Rossetto

Que fique marcado, em todo e toda jovem deste Brasil, o que foi o dia 18 de março de 2016. Dia em que fizemos história! Que fique gravado em nossos corações e mentes que nossa ferramenta, nosso sonho, nosso partido, está muito vivo! Que as vozes de toda uma juventude que não viveu a Ditadura, a Diretas Já, o Fora Collor, o período FHC, mas que carrega consigo a história grandiosa do Partido dos Trabalhadores e, principalmente, os sonhos aos quais hoje temos direito de ter graças ao PT, ecoem nesses dias difíceis: NÃO VAI TER GOLPE! VAI TER LUTA!

Nossa geração está, sem dúvida, diante do maior desafio político de nossas vidas. Enquanto aqueles e aquelas que construíram o PT desde o início enfrentam um golpe pela segunda vez em suas vidas, nós viemos do período até então mais democrático de nossa nação. E é justamente por compreender as limitações e a fragilidade dessa democracia que nos sentimos na vontade não só de defendê-la, mas de ampliá-la.

Nesta memorial sexta-feira, após meses de desgaste midiático, fortalecimento do golpismo institucional mais canalha que jamais imaginamos ser possível, de centenas de atos ao longo do ano passado em defesa do programa eleito em 2014, quebramos uma barreira importante: equalizamos a direita nas ruas! Sem constante divulgação nos meios de comunicação, sem aparelhamento das estruturas públicas (como a liberação das catracas do metrô de São Paulo), sem outdoor, bonecos gigantes ou financiamento milionário de grandes empresas. Com militância na rua e gastando muito a sandália, a juventude petista, mesmo aqueles e aquelas não filiadas, mas identificadas com a essência de nosso projeto revolucionário de mundo, teve papel fundamental na construção dos atos que juntaram mais de um milhão de pessoas Brasil afora.

É evidente que esta luta não é só do PT. Centenas de organizações partidárias, sociais, autônomas e também a adesão individual se unem hoje para garantir a manutenção da democracia. É tarefa da juventude petista neste momento fortalecer o fato de que, embora quem esteja na principal linha de fogo seja o PT, Lula e Dilma, o alvo do golpe é nada menos do que o Estado Democrático de Direito! Nosso papel é dialogar com todas as juventudes, organizadas ou não, e direcioná-las para uma unidade de ação e de discurso. A Frente Brasil Popular, a Frente Povo Sem Medo e as muitas frentes universitárias, territoriais e setoriais, por exemplo, são espaços importantes dessa construção. Nestes tempos de crise de representatividade, humildade e firmeza na fala devem ser nosso mote. Devemos conversar, agregar, encantar a juventude para essa luta. Reacender a chama de jovem petista na construção de uma frente única!

E a luta não deve parar! O golpismo e seus agentes tem uma agenda pesada para abril: Uma verdadeira guerra-relâmpago, nos moldes do exército nazista, com o objetivo de derrubar a presidenta Dilma até o fim deste mesmo mês. O golpe civil-midiático pretende lançar nosso país num inferno, acabar com nossa democracia! Não devemos subestimar a direita brasileira, mas sim reconhecer que passamos a mobilizar muita gente que ainda não tinha saído de casa. Enquanto a farsa midiática e judiciária fica cada dia mais ridícula, tudo aponta para o crescimento da luta democrática. Não quero dizer que a coisa vai ficar mais fácil, mas sim que há esperança!

A JPT deve exercer seu papel de direção, organizando nossa juventude e, acima de tudo, deixar nítido que é tempo de se posicionar. Quando a liberdade está em risco, não existe terceira via ou alternativa. Devemos tomar, sim, o lado da democracia, por mais direitos! Comitês e frentes, cartazes e colagens, intervenções artísticas ou diretas e, acima de tudo, a política corpo a corpo. Fale, demoradamente, com seu colega, sua amiga, seu irmão, o guri e a guria na rua. Convoque-os à luta democrática! Que a gente pegue a bandeira vermelha e a estrela na mão. Que a gente assuma SIM nossa identidade petista e diga: essa estrela é nossa e ninguém vai apagar sua história, muito menos seu futuro! Já está tendo luta, e no dia 31\03, em todo Brasil, vamos deixar um recado bem dado: NÃO VAI TER GOLPE!

Dudu Rossetto é Secretário Municipal da JPT Porto Alegre

Veja também

CSD divulga Resolução Política de sua Plenária Nacional

A CUT Socialista e Democrática divulgou nesta semana a resolução política de sua I Plenária Nacional. Confira o video de divulgação feito por Rosane Silva, da Coordenação Nacional da CSD, a apresentação do documento e faça o download da íntegra.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Comente com o Facebook