Home / Conteúdos / Artigos / Conferência Nacional marca 30 anos da Democracia Socialista

Conferência Nacional marca 30 anos da Democracia Socialista

Conferência Nacional marca 30 anos da Democracia Socialista
Foto: Alessandra Terribili

A IX Conferência Nacional da Democracia Socialista terminou no último sábado com um alto grau de unidade e de coesão política na compreensão e na organização da tendência para as tarefas que o próximo período reserva.

Mais de 120 delegados e delegadas de 21 estados, além de quase cem convidados e convidadas, discutiram, ao longo da quinta e da sexta-feira, o anteprojeto de resolução apresentado pela coordenação nacional da DS e as propostas de emendas vindas das discussões nos estados e nas setoriais.

Na noite de sexta-feira, um ato político marcou as comemorações de 30 anos da Democracia Socialista. A mesa foi composta de forma representativa desses 30 anos e da evolução da presença da DS no partido, nos movimentos sociais e no país como um todo. A pluralidade que construída nesses 30 anos, desde o sentido regional, passando por frentes de atuação diversas, até geracional, foi contemplada pelas falas.

Os companheiros José Eduardo Cardozo e Ricardo Azevedo, da Mensagem ao Partido, e Hamilton Pereira, do conselho curador da Fundação Perseu Abramo, participaram do ato. Falaram sobre a importância da intervenção da DS na construção da democracia interna do PT e na identidade socialista do partido. Também saudaram a Mensagem ao Partido como um movimento amplo de disputa do PT e a presença prioritária da DS nessa construção, garantindo sua contribuição sem buscar o hegemonismo, mas sim, a produção de sínteses e o fortalecimento desse movimento.

Foi lançado na conferência, também, o Caderno DS 30 anos, com texto de Juarez Guimarães e prefaciado por Raul Pont, Nalu Faria e Tatau Godinho. Clique aqui [Link Indisponível] para ver o PDF do Caderno.

Por fim, o último dia foi dedicado à organização e à comunicação da DS. Em breve, a resolução final – A crise internacional e a luta pela construção do socialismo – será publicada aqui no sítio, bem como as demais resoluções e a nominata da nova coordenação nacional.

Veja também

Lula: Quero andar pelo País para mexer com consciência do povo

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva começou, nesta quinta-feira (17), na Bahia, a jornada que fará pelo Nordeste do Brasil. Em Salvador, ele deu início ao projeto Lula pelo Brasil, que percorrerá 25 cidades, em 20 dias. Segundo o presidente de honra do PT, a caravana terá como objetivo “mexer com a consciência do povo brasileiro”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Comente com o Facebook