Home / Conteúdos / Notícias / Congresso paraguaio aprova ingresso da Venezuela ao Mercosul

Congresso paraguaio aprova ingresso da Venezuela ao Mercosul

1207043Do portal da EBC

A Câmara de Deputados do Paraguai aprovou na última quarta-feira (18), o Protocolo de Adesão da Venezuela ao Mercosul, medida que completa o processo para que o país caribenho seja membro pleno do bloco regional.

Os parlamentares paraguaios também decidiram pela retirada da declaração de “persona non grata” contra o presidente venezuelano Nicolás Maduro, por uma suposta intromissão durante a crise política pela destituição do presidente Fernando Lugo em 2012.

O documento havia sido aprovado em sessão extraordinária do Senado do Paraguai no último dia 11, e seguiu para a aprovação da Câmara de Deputados. O Congresso paraguaio era o único do bloco que ainda impunha resistência à Venezuela que, no entanto, foi incorporada ao bloco no ano passado, em um processo ocorrido durante período em que o Paraguai estava suspenso do Mercosul.

A Venezuela foi incorporada ao Mercosul no ano passado após um processo que levou seis anos porque houve resistência de parlamentares no Paraguai e no Brasil.

O Brasil aprovou a entrada dos venezuelanos ao grupo e, à época da incorporação, os paraguaios estavam suspensos do bloco. No final de agosto do ano passado, quando a Venezuela já fazia parte do Mercosul, o então presidente do Paraguai Federico Franco disse que a decisão tomada, sem a chancela do país, era irregular.

O Paraguai foi suspenso do Mercosul porque os líderes do bloco concluíram que o processo de destituição do poder do então chefe de Estado paraguaio Fernando Lugo não seguiu os preceitos democráticos.

Veja também

“Os jovens entram no mercado de trabalho desempregados”, aponta sociólogo Anderson Campos em seminário da CUT-RS

A difícil realidade dos jovens no mercado de trabalho foi o assunto do seminário “Juventude …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Comente com o Facebook