Home / Conteúdos / Notícias / Equador: Dr. Rosinha elogia estabilidade democrática e consistência constitucional

Equador: Dr. Rosinha elogia estabilidade democrática e consistência constitucional

478111Do site do PT

O deputado federal, Dr.Rosinha (PT-PR) acompanhou o processo eleitoral no Equador como observador internacional e informou à TVPT que mesmo, com um histórico de profundas crises políticas, o país conseguiu demonstrar que adquiriu estabilidade política e consistência institucional.

“O Conselho Nacional Eleitoral, que é quem organiza a campanha no Equador, é um conselho de vida nova e deve ter mais ou menos uns seis anos de existência. E baseado na nova Constituição e nas novas leis eleitorais eles tiveram uma preocupação enorme com alguns pontos: Primeiro demonstrar a isenção do Conselho; segundo fazer com que as eleições fossem a mais democrática possível, e terceiro que fosse bastante transparente para que não tivesse absolutamente dúvida quanto a fraudes”, enfatiza.

No último dia 17 os equatorianos se dirigiram às urnas e reelegeram em primeiro turno o atual presidente Rafael Correa com 56,7% dos votos válidos. Para o parlamentar não resta dúvida que a eleição foi transparente, e acima de tudo, representou a vontade popular do povo equatoriano.

“Nós tivemos antes da eleição quatro dias de debates, de organização, de conhecimento da Constituição e da lLei, e nesses quatros dias estavam convidados todos os candidatos a presidente que eram oito. Para que estes candidatos fossem lá não para falar do seu programa de governo, mas falar aquilo que nós observadores teríamos que observar”.

Assista o vídeo clicando aqui: https://www.youtube.com/watch?v=Yw-flD6nNiA

Veja também

Em BH, governo Temer quer aumentar em 88% a tarifa do metrô; estudantes e movimentos resistem

Nesta segunda feira, sem diálogo com a sociedade a CBTU divulgou a autorização do aumento de 88% na tarifa da passagens do Metrô de BELO HORIZONTE, que saltará de R$ 1,80 para R$ 3,40 à partir de sexta feira, 11/05. Estudantes e movimentos convocam ato para este sexta (11/05), a partir das 17h na Praça Sete de Setembro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Comente com o Facebook