Home / Conteúdos / Artigos / Executiva altera 3º Congresso do PT para dias 17, 18 e 19 de agosto

Executiva altera 3º Congresso do PT para dias 17, 18 e 19 de agosto

Em reunião realizada na manhã desta terça-feira (13), em Brasília, a Comissão Executiva Nacional do PT decidiu, por unanimidade, alterar a data de seu 3º Congresso para os dias 17, 18 e 19 de agosto deste ano. A mudança da data, que ainda tem que ser referendada pelo Diretório Nacional, foi motivada por dificuldades logísticas.

No dia 19 de março, a comissão organizadora do Congresso se reunirá em São Paulo para definir o novo calendário das etapas zonais, municipais e estaduais do Congresso.  Os debates sobre a reforma política, que começariam nesta semana em quatro capitais, também serão adiados. As novas datas serão divulgadas após o dia 19.

A CEN também alterou os critérios de eleição dos delegados, que passará a ter proporção de 1 para cada 40 filiados credenciados para o encontro zonal e municipal; e de 1 para cada 10 filiados credenciados para o encontro estadual. Essa alteração também terá que ser referendada pelo Diretório Nacional.

Teses

Foram inscritas 12 teses dentro do prazo definido, que se encerrou ontem à noite. A Executiva Nacional decidiu conceder um prazo até o dia 19 de março para que os autores das teses já inscritas façam eventuais modificações nos textos e enviem documentos comprobatórios de pagamentos de suas contribuições partidárias.

A divulgação das teses será feita apenas após este prazo.

Os autores das teses inscritas devem apresentar, até o dia 26 de março, um resumo de 21 mil caracteres. A versão sintética dos textos será impressa para o Congresso.

Veja também

A antirreforma trabalhista: sem direitos e sem emprego | Miguel Rossetto

A nova reforma trabalhista é filha do golpe contra a democracia, a soberania nacional e os direitos do povo. Reduz o valor do trabalho e aumenta a exploração do trabalhador. Interrompe o ciclo virtuoso iniciado em 2003. Quer enfraquecer os sindicatos, acabar com direitos trabalhistas, dificultar o acesso à Justiça.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Comente com o Facebook