Home / Conteúdos / Artigos / Os Movimentos Sociais e as eleições de 2006

Os Movimentos Sociais e as eleições de 2006

 

Os Movimentos Sociais e as eleições de 2006

Os Movimentos Sociais e as eleições de 2006 será o tema do próximo “Debates Carta Maior”, a ser realizado nesta próxima segunda-feira, 23 de outubro. O evento acontece no hotel Maksoud Plaza, em São Paulo, às 19:00 horas, e será aberto ao público. Estão confirmadas as participações de João Paulo Rodrigues, membro da coordenação nacional do MST, Artur Henrique da Silva Santos, presidente da CUT, Ariel de Castro Alves, coordenador estadual do Movimento Nacional de Direitos Humanos, Manuela Dávila, membro da direção nacional da UNE, Nalu Faria, da coordenação da Marcha Mundial das Mulheres, e Lisete Arelaro, da Associação Nacional de Educadores (Ande). A mediação será feita pelo editor da Carta Maior, Flávio Aguiar. A TV Carta Maior (www.tvcartamaior.com.br) fará a transmissão do evento ao vivo.

O objetivo do debate é aprofundar a discussão sobre a esquerda brasileira, os movimentos sociais e suas propostas para o país, a partir das visões distintas de vários segmentos, além de por em pauta os desafios que serão enfrentados pelo Brasil nos próximos quatro anos.

O que: Debate “Os Movimentos Sociais e as eleições de 2006″
Quando: segunda-feira, 23 de outubro
Onde: sala Brasil do Hotel Maksoud Plaza, Alameda Campinas, 150, SP
Horario: das 19:00 às 21:00 horas

Participantes:

João Paulo Rodrigues (MST)
Artur Henrique da Silva Santos (CUT)
Ariel de Castro Alves (Movimento Nacional de Direitos Humanos)
Manuela DÁvila, (UNE)
Nalu Faria (Marcha Mundial das Mulheres)
Lisete Arelaro (Ande)

Veja também

Lula: Quero andar pelo País para mexer com consciência do povo

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva começou, nesta quinta-feira (17), na Bahia, a jornada que fará pelo Nordeste do Brasil. Em Salvador, ele deu início ao projeto Lula pelo Brasil, que percorrerá 25 cidades, em 20 dias. Segundo o presidente de honra do PT, a caravana terá como objetivo “mexer com a consciência do povo brasileiro”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Comente com o Facebook