Home / Conteúdos / Artigos / XII Conferência da Democracia Socialista – Orientações

XII Conferência da Democracia Socialista – Orientações

Entre os dias 01 e 03 de dezembro realizaremos a XII Conferência da Democracia Socialista. O evento acontece em São Paulo, no Sindicato dos Químicos, e tem como principal objetivo debater com o conjunto da militância da corrente a formação de uma vontade política – um programa, uma estratégia e uma força social – capaz de derrotar e construir uma alternativa histórica à contrarrevolução neoliberal.

ANTEPROJETO DE RESOLUÇÃO POLÍTICA
Dedicado ao companheiro Antônio Candido, o anteprojeto de resolução política da XII Conferência Nacional, apoiando-se na elaboração coletiva do PT e de outros setores da esquerda brasileira e internacional, procura apresentar um caminho histórico, possível e coerente para derrotar a contra-revolução neoliberal no Brasil.

O documento se nutre dos motivos, valores e sentimentos mais profundos da luta de resistência. E busca apresentar, a partir da identidade socialista e democrática, as razões para a nossa esperança: é possível e necessário começar já a construir o caminho para vencer os golpistas. Leia o documento em http://bit.ly/AnteprojetoDS.

Novo!  Já recebemos algumas emendas ao anteprojeto, fruto dos debates setoriais e das Conferências estaduais, confira aqui.

PLENÁRIAS ESTADUAIS
As Conferências municipais, regionais e estaduais que antecedem a etapa nacional já estão acontecendo por todo o país. O Paraná foi o primeiro a realizar sua estadual nos dias 27 a 29 do mês de outubro. Seguido por Amazonas, Ceará e Alagoas nos dias 03 a 04 de novembro. Este último onde a militância democrática e socialista reafirmou seu posicionamento contrário a política de alianças com partidos e governos golpistas.

No próximo fim de semana, nos dias 11 e 12 de novembro, será a vez de Espírito Santo, Distrito Federal e Santa Catarina. Entre 24 a 26 de novembro, os companheiros do Bahia, Maranhão, Minas Gerais, Pará, Pernambuco, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, São Paulo e Tocantins somam-se ao processo.

Os estados que ainda não confirmaram a data de suas plenárias para o Grupo de Trabalho Nacional, deverão fazê-lo o mais rápido possível através do e-mail contato@democraciasocialista.org.br.

O Grupo de Trabalho Nacional da DS orienta a realização de reuniões de mulheres da corrente nas etapas municipais, regionais e estaduais. No dia 01 de dezembro, as militantes realizarão a Reunião Nacional de Mulheres com delegadas e observadoras da Conferência. O encontro abrirá as discussões para a preparação do próximo Ativo de Mulheres.

DELEGAÇÕES
Para a etapa nacional, as delegações estaduais serão formadas respeitando o critério de 1 delegado/a a cada 10 militantes, em dia com sua contribuição financeira anual, que participem da etapa estadual. O critério de paridade de gênero deve ser garantido na formação das delegações estaduais, assim como a cota de juventude e a cota étnico-racial de acordo com os critérios estabelecidos no Estatuto do PT.

Os observadores (militantes da DS e não delegados) devem ser indicados pelas instâncias da tendência.

As listas com as delegações estaduais devem ser enviadas até o dia 27 de novembro para o e-mail contato@democraciasocialista.org.br.

As coordenações estaduais devem utilizar planilha própria, fornecida pela Coordenação Nacional, para organizar os dados da militância orgânica do seus estado, de domo a comprovar a delegação eleita para  Conferência Nacional. Clique aqui para acessar a planilha, preencha com os dados do estado e responda para contato@democraciasocialista.org.br ou traga em meio eletrônico para nossa Conferência Nacional.

COTAS
Para votar e ser votado no processo da Plenária, cada militante da DS deverá participar do debate estadual, comprometer-se com as deliberações democráticas e contribuir com a sustentação financeira da tendência, de acordo com as seguintes cotas anuais:

Renda Mensal Contribuição anual
Desempregados (Sem renda) R$ 30,00
Até 1,5 salários mínimos R$ 60,00
De 1,5 a 5 salários mínimos R$ 120,00
De 5 a 10 salários mínimos R$ 250,00
De 10 a 15 salários mínimos R$ 400,00
Acima de 15 salários mínimos R$ 500,00

O pagamento pode ser feito pela internet, por meio de boleto, transferência bancária ou cartão de crédito no seguinte endereço: https://contribua.democraciasocialista.org.br. No pagamento com cartão de crédito é possível o parcelamento mediante um pequeno acréscimo. 

Se você realizou o pagamento via Cupom, no seu estado, digitalize e envie por e-mail juntamente com comprovante de depósito/transferência bancária para Associação Caetés.

Caso opte pelo depósito/transferência os dados bancários são os seguintes:

ASSOCIAÇÃO CAETES
Banco do Brasil (001)
Agência 7015-7
Conta Corrente 16658-8
CNPJ 08.644.720/0001-00.

Se a sua opção for pelo pagamento presencial parcelado deve fazer a negociação com o seu o contato local que ficará responsável pelo cumprimento do parcelamento acordado, preferencialmente mediante cheques pré-datados ou transferências eletrônicas previamente agendadas.

HOSPEDAGEM E ALIMENTAÇÃO
Os custos com deslocamento, hospedagem e alimentação das delegações são responsabilidade de cada coordenação estadual.

Para hospedagem indicamos os seguintes hotéis:

PalmLeaf Slim
(R. Galvão Bueno, 700 – Liberdade, São Paulo – SP, 01506-000 – Tel: (11) 2050-3477)
Preços e Reservas: http://bit.ly/PalmLeafSlim

Free Palace Hotel
(Rua Tamandaré, 246 – Liberdade, São Paulo – SP, 01525-000 – Tel: (11) 3271-8596)
Preços e Reservas: http://bit.ly/FreePalace

PROGRAMAÇÃO:
SEXTA-FEIRA (01/12)
10h – Reunião de Mulheres da DS (delegadas e observadoras)
18h – Ato de abertura da XII Conferência da DS

SÁBADO (02/12)
9h – Apresentação e debate do texto-base (disponível em http://bit.ly/AnteprojetoDS)

DOMINGO (03/12)
9h – Tarefas organizativas, eleição da coordenação nacional e votação do texto final
14h – Encerramento

Local: Sindicato dos Químicos
(Rua Tamandaré, 348 – Liberdade, São Paulo/SP – próximo ao Metrô São Joaquim)

Veja também

Carta ao povo brasileiro

Em texto enviado neste domingo (13) movimento reafirma convicção na inocência de Lula defende seu direito de concorrer às eleições presidenciais.

Comente com o Facebook