Home / Conteúdos / Artigos / XII Conferência da Democracia Socialista – Orientações

XII Conferência da Democracia Socialista – Orientações

Entre os dias 01 e 03 de dezembro realizaremos a XII Conferência da Democracia Socialista. O evento acontece em São Paulo, no Sindicato dos Químicos, e tem como principal objetivo debater com o conjunto da militância da corrente a formação de uma vontade política – um programa, uma estratégia e uma força social – capaz de derrotar e construir uma alternativa histórica à contrarrevolução neoliberal.

ANTEPROJETO DE RESOLUÇÃO POLÍTICA
Dedicado ao companheiro Antônio Candido, o anteprojeto de resolução política da XII Conferência Nacional, apoiando-se na elaboração coletiva do PT e de outros setores da esquerda brasileira e internacional, procura apresentar um caminho histórico, possível e coerente para derrotar a contra-revolução neoliberal no Brasil.

O documento se nutre dos motivos, valores e sentimentos mais profundos da luta de resistência. E busca apresentar, a partir da identidade socialista e democrática, as razões para a nossa esperança: é possível e necessário começar já a construir o caminho para vencer os golpistas. Leia o documento em http://bit.ly/AnteprojetoDS.

Novo!  Já recebemos algumas emendas ao anteprojeto, fruto dos debates setoriais e das Conferências estaduais, confira aqui.

PLENÁRIAS ESTADUAIS
As Conferências municipais, regionais e estaduais que antecedem a etapa nacional já estão acontecendo por todo o país. O Paraná foi o primeiro a realizar sua estadual nos dias 27 a 29 do mês de outubro. Seguido por Amazonas, Ceará e Alagoas nos dias 03 a 04 de novembro. Este último onde a militância democrática e socialista reafirmou seu posicionamento contrário a política de alianças com partidos e governos golpistas.

No próximo fim de semana, nos dias 11 e 12 de novembro, será a vez de Espírito Santo, Distrito Federal e Santa Catarina. Entre 24 a 26 de novembro, os companheiros do Bahia, Maranhão, Minas Gerais, Pará, Pernambuco, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, São Paulo e Tocantins somam-se ao processo.

Os estados que ainda não confirmaram a data de suas plenárias para o Grupo de Trabalho Nacional, deverão fazê-lo o mais rápido possível através do e-mail contato@democraciasocialista.org.br.

O Grupo de Trabalho Nacional da DS orienta a realização de reuniões de mulheres da corrente nas etapas municipais, regionais e estaduais. No dia 01 de dezembro, as militantes realizarão a Reunião Nacional de Mulheres com delegadas e observadoras da Conferência. O encontro abrirá as discussões para a preparação do próximo Ativo de Mulheres.

DELEGAÇÕES
Para a etapa nacional, as delegações estaduais serão formadas respeitando o critério de 1 delegado/a a cada 10 militantes, em dia com sua contribuição financeira anual, que participem da etapa estadual. O critério de paridade de gênero deve ser garantido na formação das delegações estaduais, assim como a cota de juventude e a cota étnico-racial de acordo com os critérios estabelecidos no Estatuto do PT.

Os observadores (militantes da DS e não delegados) devem ser indicados pelas instâncias da tendência.

As listas com as delegações estaduais devem ser enviadas até o dia 27 de novembro para o e-mail contato@democraciasocialista.org.br.

As coordenações estaduais devem utilizar planilha própria, fornecida pela Coordenação Nacional, para organizar os dados da militância orgânica do seus estado, de domo a comprovar a delegação eleita para  Conferência Nacional. Clique aqui para acessar a planilha, preencha com os dados do estado e responda para contato@democraciasocialista.org.br ou traga em meio eletrônico para nossa Conferência Nacional.

COTAS
Para votar e ser votado no processo da Plenária, cada militante da DS deverá participar do debate estadual, comprometer-se com as deliberações democráticas e contribuir com a sustentação financeira da tendência, de acordo com as seguintes cotas anuais:

Renda Mensal Contribuição anual
Desempregados (Sem renda) R$ 30,00
Até 1,5 salários mínimos R$ 60,00
De 1,5 a 5 salários mínimos R$ 120,00
De 5 a 10 salários mínimos R$ 250,00
De 10 a 15 salários mínimos R$ 400,00
Acima de 15 salários mínimos R$ 500,00

O pagamento pode ser feito pela internet, por meio de boleto, transferência bancária ou cartão de crédito no seguinte endereço: https://contribua.democraciasocialista.org.br. No pagamento com cartão de crédito é possível o parcelamento mediante um pequeno acréscimo. 

Se você realizou o pagamento via Cupom, no seu estado, digitalize e envie por e-mail juntamente com comprovante de depósito/transferência bancária para Associação Caetés.

Caso opte pelo depósito/transferência os dados bancários são os seguintes:

ASSOCIAÇÃO CAETES
Banco do Brasil (001)
Agência 7015-7
Conta Corrente 16658-8
CNPJ 08.644.720/0001-00.

Se a sua opção for pelo pagamento presencial parcelado deve fazer a negociação com o seu o contato local que ficará responsável pelo cumprimento do parcelamento acordado, preferencialmente mediante cheques pré-datados ou transferências eletrônicas previamente agendadas.

HOSPEDAGEM E ALIMENTAÇÃO
Os custos com deslocamento, hospedagem e alimentação das delegações são responsabilidade de cada coordenação estadual.

Para hospedagem indicamos os seguintes hotéis:

PalmLeaf Slim
(R. Galvão Bueno, 700 – Liberdade, São Paulo – SP, 01506-000 – Tel: (11) 2050-3477)
Preços e Reservas: http://bit.ly/PalmLeafSlim

Free Palace Hotel
(Rua Tamandaré, 246 – Liberdade, São Paulo – SP, 01525-000 – Tel: (11) 3271-8596)
Preços e Reservas: http://bit.ly/FreePalace

PROGRAMAÇÃO:
SEXTA-FEIRA (01/12)
10h – Reunião de Mulheres da DS (delegadas e observadoras)
18h – Ato de abertura da XII Conferência da DS

SÁBADO (02/12)
9h – Apresentação e debate do texto-base (disponível em http://bit.ly/AnteprojetoDS)

DOMINGO (03/12)
9h – Tarefas organizativas, eleição da coordenação nacional e votação do texto final
14h – Encerramento

Local: Sindicato dos Químicos
(Rua Tamandaré, 348 – Liberdade, São Paulo/SP – próximo ao Metrô São Joaquim)

Veja também

Cultivar a unidade, fortalecer as lutas e projetar o futuro | Janeslei Albuquerque

Dirigente da CUT e da CSD opina sobre os desafios das Frente Brasil Popular que realiza sua 2ª Conferência Nacional neste final de semana na Escola Nacional Florestan Fernandes em São Paulo.

Comente com o Facebook