Home / Conteúdos / Artigos (page 2)

Artigos

agosto, 2019

  • 20 agosto

    Niterói: quem comemora a tragédia? Quem comemora a morte? | Jordana Dias

    De qualquer forma, surpreende como políticos tentam fazer uso do caso para se projetar, comemorando o desfecho. Independente de possíveis divergências políticas, o que ocorreu hoje de manhã foi uma tragédia: pessoas devem estar traumatizadas, com medo; uma outra família deve estar chorando a perda de um ente. O caso escancara uma sociedade violenta e doente que comemora a morte ao vivo em rede nacional. Isso não é algo a ser comemorado. Vergonha que governantes assim o façam.

  • 20 agosto

    Uma tragédia não é gol! | Bernardo Cotrim

    Witzel não comemorava a morte do sequestrador e a libertação dos reféns; comemorava a chance de poder defender a política que, na última semana, matou gente até em ponto de ônibus. Jovens com mochila e material escolar, uma promessa da base do América, uma mãe de família… trabalhadores e estudantes pobres e negros.

  • 20 agosto

    Dia do Fogo na Amazônia: acabou a hipocrisia sobre quem puxa o gatilho do desmatamento | Carlos de Guedes

    Entre os dias 10 e 11 de agosto, assistimos a uma manifestação de apoio ao Presidente da República inusitada e criminosa: para demonstrar que o Brasil é uma nação soberana, e que não precisa da Alemanha e Noruega para proteger a nossa biodiversidade,“donos” de grandes terras realizaram o Dia do Fogo, aumentando a devastação na Amazônia.

  • 17 agosto

    Os evangélicos norte-americanos e a política (II). Como se fabrica uma nação cristã | Regis Moraes

    A história política norte-americana cruza com a religião a todo momento. Desde a fundação das treze colônias. Mas a mitologia da nação cristã é também o fruto de um cuidadoso trabalho de imaginação e propaganda. O melhor roteiro para começar a entender essa trajetória talvez seja o livro de Kevin …

  • 17 agosto

    Reforma da Previdência – Os mais pobres serão os mais prejudicados | Luizianne Lins

    Uma história, muitas mentiras. É assim que podemos resumir nossa história nos últimos 3 anos. Desde o golpe que afastou a Presidente Dilma que os grupos que assumiram o poder, tanto com Temer, como com Bolsonaro, aprovam medidas que retiram direitos dos mais pobres, atacam o meio ambiente e entregam …

  • 17 agosto

    8 DIAS E SEIS ASSASSINATOS, UM RETRATO DO GOVERNO WILSON WITZEL | Daniel Octaviano, Elaine Monteiro, Vitória Rosa e Ygor Martins

    Mais uma vez, nos deparamos com mortes. Mortes dos nossos corpos que habitam a periferia, vivem às margens da sociedade e que, sendo sua maioria negros, são todos pobres. Vidas que são tiradas em função de um projeto de segurança pública que não se preocupa em garantir a segurança de …

  • 12 agosto

    Gustavo Codas, um revolucionário latino-americano

    Querido camarada Gustavo Codas Você nos deixou cedo. Do mesmo jeito que chegou. De repente! Sua grande presença permanece. Exilado nos anos 1980, Gustavo Codas chegou a São Paulo depois de longa marcha desde a fronteira do Paraguai. Integrou-se à Democracia Socialista. Procurava a turma do Mandel, da IV Internacional. …

  • 10 agosto

    Os evangélicos norte-americanos e a política (I) | Regis Moraes

    Ela vem de longe. Mas uma semente nova foi plantada lá nos anos 1930. E daí uma flor estranha vingou em solo norte-americano, para depois se espalhar pelo mundo. Atravessou por várias fases e reencarnou diversas vezes. Nas últimas décadas do século assumiu uma feição nova e vibrante – gerando …

  • 7 agosto

    Carta aos petistas | Avante, Democracia Socialista e Militância Socialista

    A todas e todos petistas O governo de ultradireita que usurpou a presidência da república do Brasil é resultado de um golpe. Golpe que se deu em três fases: impedimento da presidenta Dilma, prisão de Lula e interdição de sua candidatura presidencial e eleição fraudulenta de Bolsonaro. Agora tentam alinhar …

  • 6 agosto

    A esquerda e a encruzilhada do Fora Bolsonaro | Erick Kayser

    Antes de mais nada, preciso deixar nítido que se parte aqui da premissa que o Brasil não está mais sob uma democracia. Não estamos (ainda) em uma ditadura e a “velha” democracia – aquela celebrada na redemocratização com a Constituição de 1988 – não está formalmente morta. Contudo, mesmo não …