Home / Conteúdos / Artigos / Deputado pede mobilização para concluir votação de emenda da saúde

Deputado pede mobilização para concluir votação de emenda da saúde

O plenário da Câmara pode concluir nesta semana, com a apreciação de quatro destaques, a votação da proposta de regulamentação da emenda 29 da saúde (PLP 306/08). O texto base de autoria do deputado Pepe Vargas (PT-RS) foi aprovado na semana passada e prevê a criação da Contribuição Social para a Saúde (CSS).

Para Pepe Vargas, é preciso que os deputados da bancada do PT e de todos os partidos da base aliada estejam mobilizados para impedir mudanças no texto aprovado. “O importante é não permitir a descaracterização do texto base, porque é isso que os destaques que serão apreciados pretendem fazer. Já conseguimos rejeitar um dos destaques que pedia a exclusão da CSS e agora o plenário precisa impedir a retirada do artigo que estipula a base de cálculo da CSS. Por isso, é necessário uma mobilização para essa votação”, frisou Pepe Vargas.

Ainda de acordo com o parlamentar petista, também é necessário derrubar outros dois destaques que serão apreciados. “Eles tentam retomar o texto que veio do Senado, que não prevê fonte de receita para a saúde pública”, disse Pepe Vargas.

Contribuição – O texto aprovado pela Câmara prevê que a partir de janeiro de 2009 será cobrada a CSS com alíquota de 0,1% sobre as movimentações financeiras. Quem ganha salário até R$ 3.038,00 estará isento de pagar, inclusive aposentados e pensionistas. O substitutivo também define os montantes que estados, municípios, o Distrito Federal e a União deverão aplicar em saúde, mantendo os percentuais já consagrados.

Veja também

Carta ao povo brasileiro

Em texto enviado neste domingo (13) movimento reafirma convicção na inocência de Lula defende seu direito de concorrer às eleições presidenciais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Comente com o Facebook