Home / Conteúdos / Artigos / PT define rumos para a disputa

PT define rumos para a disputa

13.o encontro PT
Encontro Nacional. Arlete Sampaio, candidata ao governo do DF, apresenta as teses da DS e Coletivos Socialistas.

Programa retoma eixos do Encontro de Recife, em 2001.

Os resultados do 13° ENPT devem ser avaliados à luz da conjuntura e da luta política em curso. As teses de Conjuntura e Diretrizes de Programa retomam o fio condutor estabelecido no 12º Encontro Nacional, de 2001, que havia sido roto pela prática do governo e da maioria da direção entre 2002 e 2005.

Essa é a principal vitória e avança no objetivo de preencher a polarização eleitoral com um conteúdo programático de enfrentamento do neoliberalismo e de superação das limitações do primeiro governo. Com a manutenção da verticalização para estas eleições, o cenário da disputa é mesmo de forte polarização entre PT e PSDB no plano nacional, e terá muita influência sobre as disputas estaduais.

O momento, agora, é de tornar as diretrizes de programa (aprovadas no 13º ENPT) em eixos de campanha.

Publicado originalmente no Jornal Democracia Socialista Edição Eletrônica n°19(348) – junho de 2006

 

Veja também

A antirreforma trabalhista: sem direitos e sem emprego | Miguel Rossetto

A nova reforma trabalhista é filha do golpe contra a democracia, a soberania nacional e os direitos do povo. Reduz o valor do trabalho e aumenta a exploração do trabalhador. Interrompe o ciclo virtuoso iniciado em 2003. Quer enfraquecer os sindicatos, acabar com direitos trabalhistas, dificultar o acesso à Justiça.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Comente com o Facebook