Home / Conteúdos / Notícias / Realizar Etapas Livres para uma nova cultura política petista

Realizar Etapas Livres para uma nova cultura política petista

Essa é uma contribuição da Mensagem ao Partido para o 5º Congresso do PT. A Mensagem ao Partido está construindo o 5° Congresso do PT,  com o esforço de atualizar as tarefas, o programa, o funcionamento a identidade e como consequência a intervenção política do nosso partido. Acreditamos que é o momento de um debate profundo em todas as instâncias partidárias, um momento de construir novos compromissos com a classe trabalhadora, a juventude, as mulheres, os negros, os povos indígenas, com a democracia e o socialismo no Brasil.

Desde o término das eleições, perdemos capacidade comunicativa com o fim do horário eleitoral gratuito e com a dispersão abrupta e arbitrária da nova e poderosa rede virtual construída. Estabelecemos uma cisão na narrativa e na unidade política de nossa própria base. Precisamos que o PT esteja forte, unido e com apoio social para enfrentar esses desafios.
Precisamos, já nesse Congresso, desatar as contradições acumuladas, romper inércias e acomodações, responder ao mais forte ataque e à maior campanha de desmoralização que já recebemos dos que sempre desejaram nos destruir. O momento exige uma nova prática e uma nova cultura política na construção partidária. Precisamos de uma organização baseada na militância voluntária, na igualdade de condições de mulheres e homens, na diversidade étnica e na renovação geracional e dos repertórios de ação.

A criminalização do PT é, também, a criminalização da esquerda democrática. Precisamos combater esse ataque juntamente com os setores aliados da esquerda brasileira. Para isso, o PT precisa de novos formatos organizativos, que envolvam, incluam e empoderem  nossos militantes e atraindo assim novos e reconquistando os velhos simpatizantes. É necessário envolvermos os movimentos sociais do campo e da cidade, dos novos movimentos de jovens, da cultura, do ecologismo, do setor sindical, blogueiros de esquerda, intelectualidade progressista brasileira e todas e todos que estiveram na campanha Muda Mais para eleger a Dilma.

É preciso construir ambientes mais agradáveis, politizados, fraternos, inclusivos e participativos dentro do PT. Nesse sentido as Etapas Livres do 5° Congresso do PT se tornam imprescindíveis.

Como organizar:

As Etapas Livres são atividades autogestionadas organizadas por grupos de petistas ou simpatizantes com o objetivo de debater os temas da Segunda Etapa do 5º Congresso Nacional do PT, no todo ou em parte, e produzir contribuições para o debate e deliberação dos e das participantes do congresso.

Orientamos a militância da Mensagem ao Partido a organizar as etapas livres pela base e em torno de diferentes temas que agreguem a militância petista, aliados/as e simpatizantes. Os temas podem ser setoriais (luta das mulheres, combate ao racismo, meio ambiente, desenvolvimento etc.) ou temas específicos (redução da maioridade penal, reforma política, desmilitarização da polícia militar etc). As Etapas Livres podem ser organizadas em universidades, escolas, sindicatos, sedes do partido, associações de moradores, praças etc.

Qualquer coletivo de militantes, núcleos, mandatos, dirigentes partidários podem convocar e realizar uma etapa livre.

É fundamental que essa orientação alcance nossa militância. Que planejem, mobilizem e nos informem sobre as iniciativas. Que realizem atividades com clima de renovação da cultura política petista.

Como encaminhar:

–   Os/as responsáveis pela realização de uma Etapa Livre do 5º Congresso do PT devem informar ao Diretório do PT a data, local e tema;

–   É fundamental divulgar amplamente a Etapa Livre

– É fundamental que um/a dirigente do PT acompanhe a realização da Etapa Livre

– As conclusões e propostas de textos oriundas da Etapa Livre devem ser encaminhadas à Comissão Nacional de Sistematização, serão publicadas numa plataforma virtual específica e poderão ser em parte ou totalmente incorporadas aos documentos oficiais encaminhados para deliberação do 5º Congresso

– Enviem convites, relatos, fotos e vídeos para divulgarmos amplamente junto à comunidade petista

Prazos:

As Etapas Livres poderão ser realizadas desde já até a última semana de maio.

Dúvidas:

Quem tiver qualquer dúvida sobre a organização das etapas livres do Congresso deve enviar um email para: mensagemaopartido13@gmail.com

Roteiro para o debate do 5º congresso

1. Mundo
1.1   A situação política internacional

2.   A atualidade do socialismo petista

3. Brasil: mudanças e perspectivas da esquerda
3.1. Doze anos (2003-2014) de mudanças econômicas, sociais, culturais e políticas: balanço e novas perspectivas
3.2. As reformas democráticas e populares
3.3. A economia política pós-neoliberal
3.4. Desenvolvimento e sustentabilidade
3.5. Avançar as conquistas pela igualdade e liberdade: juventude, mulheres, negros e negras, povos indígenas, LGBT
3.6. A construção do bloco histórico das forças democráticas e populares
3.7. Síntese do programa partidário para o próximo período histórico

4. Atualização da concepção partidária
4.1. PT: revolucionar nossa cultura política
4.2. Processo de Eleições Diretas no PT, cabendo exclusivamente nesse item apreciar propostas de alteração estatutária

Veja também

Manifesto Fora Bolsonaro é lançado e já tem mais de 7 mil assinaturas

Dirigentes partidários e militantes do Partido dos Trabalhadores lançaram em plenária virtual o manifesto "Em defesa da vida, Fora Bolsonaro". O documento defende um fim democrático ao governo Bolsonaro, com substituição por uma alternativa democrática e popular capaz de aplicar um programa de reconstrução nacional que rompa com o neoliberalismo. Em menos de 24 horas o manifesto já alcançou mais de 7 mil assinaturas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Comente com o Facebook