Home / Conteúdos / Notícias / Fazer o bem, não importa a quem

Fazer o bem, não importa a quem

2613359Por Marco Aurélio Weissheimer, em rsurgente.

A notícia da morte de João Verle, ex-prefeito de Porto Alegre pelo Partido dos Trabalhadores, surpreendeu a todos os seus amigos e amigas, companheiras e companheiros políticos neste final de tarde de sábado. Ao ficar sabendo da notícia, Miguel Rossetto, ministro do Trabalho e da Previdência e companheiro de militância política por muitos anos, lembrou uma frase que Verle usou certa vez em uma entrevista para definir qual era o seu lema de vida: “fazer o bem, não importa a quem”. “Perdemos um homem digno, um amigo e companheiro honrado, que deixa um exemplo de vida a ser cultivado”, disse Rossetto.

Verle partiu silenciosamente entre a noite de sexta e a manhã deste sábado. Vai fazer falta.

Veja também

Margarida Salomão e Maria do Rosário apresentam chapa 290 em Porto Alegre

"Para nós socialistas, o sentido de democracia é participação. Para o PT defendemos a relevância da participação da base e transparência. Queremos que as finanças sejam geridas coletivamente. Estas medidas são importantes para fazermos, não a autocrítica que a mídia cobra, mas a autocrítica que devemos para nós mesmos.", defendeu a deputa mineira Margarida Salomão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Comente com o Facebook