Notícias
Home / Conteúdos / Notícias / Grupo de Trabalho do CASB debateu Big Techs e impacto na democracia

Grupo de Trabalho do CASB debateu Big Techs e impacto na democracia

Aconteceu no último dia 31 de maio a reunião do GT sobre as big techs e o impacto na democracia do Centro de Análise da Sociedade Brasileira (Casb), que reúne as fundações Perseu Abramo (PT), Lauro Campos e Marielle Franco (PSOL), Maurício Grabois (PCdoB), e Rosa Luxemburgo (vinculada ao partido alemão Die Linke – A Esquerda), com o objetivo aprofundar o entendimento sobre as mudanças na sociedade brasileira e produzir diagnósticos – auxiliando os partidos e o governo na tarefa de democratização da sociedade e das instituições; e na organização do campo democrático popular.

A atividade contou com exposições de Rose Marie Santini, PhD em Ciência da Informação, pesquisadora principal e diretora do NetLab UFRJ; e Fabio Malini, professor Associado III no Departamento de Comunicação Social da Universidade Federal do Espírito Santo (UFES) e coord. no LABIC.

Os comentários ficaram por conta de Helena Martins, professora da UFC e integrante do DIRACOM – Direito à Comunicação e Democracia, Jonas Valente, pesquisador do Instituto de Internet da Universidade de Oxford, e João Brant, conselheiro CASB e da Secretaria de Políticas Digitais (SPDIGI) do governo federal.

No relatório executivo (que pode ser acessado aqui) estão os principais pontos deste encontro. Entre eles, a necessidade de inserir a discussão sobre as big tech’s (grandes corporações de tecnologia e comunicação) num debate mais amplo e estrutural do próprio capitalismo neoliberal e da Economia Política da Comunicação. Ainda, o relatório destaca a relação entre a concentração econômica deste setor, os modelos de negócios das plataformas e a propagação dos discursos desinformativos da extrema-direita.

Via Fundação Perseu Abramo

Veja também

Paineis reúnem especialistas para explicar avanço da extrema-direita no mundo | Henrique Nunes

Iniciativa do Centro de Análise da Sociedade Brasileira da FPA, o CASB, terá quatro mesas …

Comente com o Facebook