Home / Conteúdos / Notícias / Lemos: “A emancipação dos trabalhadores passa necessariamente pela igualdade entre mulheres e homens”

Lemos: “A emancipação dos trabalhadores passa necessariamente pela igualdade entre mulheres e homens”

392926Do site do Professor Lemos

“É hora da voz e da vez das mulheres na administração municipal”. Essa foi a palavra de ordem neste sábado (20/10) no Calçadão da Avenida Brasil, onde as mulheres foram as ruas prestar seu apoio à candidatura do PT à Prefeitura de Cascavel e colorir o centro da cidade com bandeiras roxas, rosas, vermelhas e brancas do 13. Acompanhado da esposa Tereza e dos  filhos, Professor José Lemos esteve presente no “Mulheraço”, ato organizado por militantes, apoiadoras e simpatizantes de sua candidatura.

Com o objetivo de promover uma gestão democrática com ampla participação popular, o Programa de Governo do Professor Lemos tem como grande foco a inclusão. Diante disso, a questão da desigualdade de gênero terá uma atenção especial no governo petista. “A desigualdade de gênero não pode ser tratada como uma questão cultural, ela foi construída com o tempo. A emancipação dos trabalhadores passa necessariamente pela igualdade entre mulheres e homens”, afirma Lemos.

Professor Lemos falou de suas propostas para a inclusão das mulheres na ‘Cascavel que queremos’; entre elas a criação da Secretaria da Mulher, a democratização e reestruturação do Conselho Municipal das Mulheres, implantação nos programas de saúde do município do combate a violência contra a mulher, ampliação da Casa de Abrigo da Mulher e a implantação da ‘Rede Cegonha’. “O gestor precisa criar mecanismos de políticas públicas voltadas a questão do gênero, precisamos garantir o acesso de todas as mulheres a programas de renda mínima, visando a segurança alimentar das famílias”.

O candidato também lembrou da ampliação das vagas nas creches. “Cascavel tem uma defasagem, são milhares de crianças sem vagas nas creches. Nós iremos construir 20 novas creches em nosso governo, serão cinco a cada ano”, garantiu Lemos.

Tereza Lemos falou da preocupação de seu marido com questão da desigualdade social. “Desde que conheci o José [Lemos], há mais de 30 anos, sempre percebi nele essa característica importante da preocupação com as desigualdades, sua defesa pela igualdade de gênero. Quando ocupou a presidência da APP-Sindicato foi o principal defensor da paridade na direção da instituição”, lembrou Tereza.

O “Mulheraço” realizado neste sábado (20) também contou com a presença do deputado estadual Elton Welter (PT) e da presidenta estadual da CUT (Central Única dos Trabalhadores), Regina Cruz. “Conheço o Lemos desde 2005, é uma pessoa totalmente responsável, ética e transparente”, afirmou a dirigente sindical.

Veja também

As imprescindíveis: Dôra – nossa homenagem a Maria Auxiliadora Gomes

Nossa homenagem a Maria Auxiliadora Gomes, nossa Dôra.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Comente com o Facebook