Em destaque

Alan Garcia e o punitivismo | Eduardo Tadeu Pereira

A morte de Alan Garcia, presidente do Peru por dois mandatos, deve levar a algumas reflexões. São tempos sombrios, de perseguição, punitivismo e intensa judicialização da vida em geral e da política em particular. O exagerado ativismo judicial e dos órgãos de fiscalização e controle, particularmente em relação aos governos municipais, acarreta a "judicialização da gestão e criminalização dos agentes políticos".

Leia mais »

Outras notícias e Artigos

fevereiro, 2020

janeiro, 2020