Em destaque

Caxias do Sul: primeiras impressões da derrota

Polarização estadual repetiu-se na cidade do interior gaúcho. A primeira explicação da nossa derrota é a unificação do bloco de partidos anti-PT a partir do governo Olívio Dutra. O tema dos incentivos fiscais, o fim das privatizações, a priorização da agricultura familiar e a tentativa de construir uma segurança cidadã …

Leia mais »

Porto Alegre: nenhuma derrota é definitiva

Perspectivas políticas a partir da derrota eleitoral. Após 16 anos de experiência exitosa da Administração Popular, a oposição venceu a eleição no segundo turno em Porto Alegre. Conseguiu ganhar sem apresentar seu próprio projeto, mas falando em continuidade das políticas públicas praticadas no nosso governo, como o Orçamento Participativo, os …

Leia mais »

Os diferentes sotaques do PT pelo Brasil

Altos e baixos. Resultado geral é bom, mas desempenho é desigual nas diferentes regiões. Na raça. Luizianne Lins contraria as pesquisas, alcança 22,3% dos votos e disputará  o segundo turno em Fortaleza A distribuição dos votos do PT nacionalmente mostra que o aumento no número de prefeituras eleitas se deveu …

Leia mais »

FSM 2005 – inscrições

Já estão abertas as inscrições para o V Fórum Social Mundial. O prazo final para inscrição de atividades é 10 de novembro; indivíduos e organizações tem até o dia 30 de novembro. Mais informações em www.inscricoesfsm.org.br

Leia mais »

Outras notícias e Artigos

abril, 2021

  • 3 abril

    A derrota política de Sergio Moro | Wagner Romão

    Foi notória a conjunção política entre a Lava-Jato e a caserna. Com Moro derrotado, o partido militar unificado, atuante e incensado pela mídia, busca saída com Bolsonaro ou com uma alternativa à direita Na semana passada, Jair Bolsonaro estava pressionado por todos os lados: pandemia absolutamente descontrolada (o que se …

    Leia mais »
  • 2 abril

    Fora Bolsonaro Já | Democracia Socialista

    Isolado internacionalmente, na espiral de uma pandemia descontrolada por ausência de política sanitária, sem unidade interna e sem apoio de massas, a extrema-direita não consegue governar. Em contraposição ao rápido apodrecimento da extrema-direita, em nenhum outro momento desde 2016 a situação se apresenta tão aberta para uma ação hegemônica da …

    Leia mais »
  • 2 abril

    CRESCE A ESPERANÇA | Diogo Costa

    O 8 de março último representou um sopro de esperança em meio ao caos oriundo do golpe de 2016 e da subsequente interdição política de Lula e eleição de Bolsonaro. Em decisão monocrática e por ninguém esperada, o ministro Fachin, do STF, resolveu reconhecer a incompetência do foro de Curitiba …

    Leia mais »